Boia-fria brasileira vence e abre Sodiê Doces em Orlando

Boia-fria brasileira vence e abre loja de bolos em Orlando neste sábado Sodiê Doces quer conquistar os americanos, próxima loja será em Nova York

Cleusa Maria da Silva traz a luta, a perseverança e a insistência em vencer como missão de vida. Buscando fugir da herança familiar, que beirava a extrema pobreza, trabalhando de sol a sol na colheita de cana de açúcar, a mulher determinada decidiu que aquele enredo não era o dela.

Boia-fria, empregada doméstica e faxineira foram algumas das atividades da empresária brasileira que comemora hoje a abertura da primeira unidade fora do Brasil, em Orlando.

Com investimento de US$ 550 mil, a primeira loja internacional está instalada na badalada International Drive e será inaugurada neste sábado, dia 12 de outubro, com degustação gratuita das 14h às 17h. Uma loja de 270 m2 chega para atender os norte-americanos e turistas, e trará tanto sabores brasileiros quanto ingredientes mais próximos dos consumidores locais, como a pasta americana.

Sodiê Doces quer conquistar os americanos, próxima loja será em Nova York

A logística para que a loja fosse aberta e tivesse exatamente o mesmo padrão de sabor e qualidade das unidades no Brasil, custou mais de um ano de pesquisas e trabalho entre os dois países. “Tivemos que entender a burocracia americana que é tão complexa como a nossa, mas agora já a dominamos. Minha meta agora é Nova York”, afirma Cleusa.

Os produtos foram para os Estados Unidos por meio de containers e alguns produtos ganharam testes e adaptações pela equipe técnica da rede.

A marca começou em um imóvel de 20 m² em Salto, interior de São Paulo, e hoje conta com mais de 314 lojas espalhadas pelo Brasil. Atualmente é considerada a maior franquia especializada em bolos artesanais do País.

Mas foi abraçando as oportunidades e com muito trabalho que a idealizadora da Sodiê Doces, Cleusa Maria da Silva, conseguiu levar seu empreendimento a esse patamar.

Era o ano de 1997, e Cleusa estava, então, tendo a oportunidade de abrir seu negócio, ainda que muito tímido. Mas até chegar esse dia, as coisas foram bem difíceis para ela. De família pobre, Cleusa trabalhou como boia-fria – foi cortadora de cana – e depois como empregada doméstica. Mas foi como funcionária de uma empresa que veio a oportunidade. A mulher do patrão fazia bolos para fora e, quando teve um problema de saúde, pediu para Cleusa ajudá-la, até que acabou por parar com a venda de bolos e deixou que Cleusa continuasse o negócio.

E foi fazendo bolo, que levava aos clientes a pé, e aprimorando a receita, com a ajuda de sua mãe, que Cleusa conseguiu abrir o pequeno espaço em Salto. Ali, logo colocaram à venda, também, as balas de coco, cuja receita foi aprendida em um programa de TV. Juntou o sucesso das balas com o dos bolos, que foram ficando cada vez mais aprimorados e o negócio foi crescendo. Quatro anos depois, mudou o empreendimento para um espaço de 80 m², quatro vezes maior do que o primeiro.

Tendo como sócios irmãos e ex-funcionários, foi abrindo outras lojas, em cidades próximas como, Sorocaba, Americana, Itu e Indaiatuba. Depois de dez anos e muito trabalho, a Sodiê Doces virou franquia, em 2007, termo que Cleusa nem sabia o que era quando um cliente a questionou sobre o assunto. Foi atrás para saber do que se tratava, fez cursos e pesquisas durante cinco anos e abriu a primeira loja neste fomato, em São Paulo, pelas mãos justamente desse cliente.

Atualmente as lojas da marca estão presentes em 13 estados do país, mais o Distrito Federal: São Paulo, Rio de Janeiro, Alagoas, Bahia, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina, Espírito Santo, Goiás, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Ceará. E não vai parar por aí. Crescendo agora no Nordeste, os próximos objetivos são conquistar o Centro-Oeste e Sul do Brasil, além de outros continentes.

Compostos por mais de 100 variedades de sabores, os bolos são elaborados à base de pão de ló, matéria-prima de primeiríssima qualidade e frutas frescas. O cliente pode encomendar o bolo inteiro, que pode ser feito em cerca de uma hora, ou degustar na própria loja, que também trabalha com o sistema de fatias. Capazes de conquistar todos os paladares, eles ainda têm um preço muito acessível, além de uma linha Zero Açúcar.

 

Sem comentários

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.