Lampião Bar vai para a final de competição

Os cinco finalistas irão para São Paulo disputar o título de melhor caipiroska do país

Já imaginou misturar vodka, fruta e açúcar? Foi assim que, nos anos 70, nasceu o drink mais popular do Brasil: a caipiroska. Com o passar do tempo, novas receitas foram surgindo graças a variedade de frutas e sabores do nosso país. Smirnoff inovou mais uma vez e voltou com a segunda edição da competição que responde o que todo mundo quer saber: Qual é a melhor caipiroska do Brasil?

3.213 bares espalhados por 261 cidades de todo país se inscreveram na primeira fase da competição. 250 bares passaram para a segunda fase, que além do voto do público, também contou com avaliação de um jurado. Originalidade, sabor e apresentação foram os quesitos levados em consideração na votação. O critério de seleção dos finalistas foi baseado na média das notas recebidas.

Foram anunciados os vencedores regionais e na região Centro Oeste, Lampião Bar levou o troféu com a Caipiroska Flor de Açucena. A receita leva sumo de maracujá, xarope simples, shurby morango/alecrim e manjericão. Os outros vencedores são El Patron, Norte, Floresta Bar, Nordeste, Gards Rooftop Bar, Sul e Simbalaê, Sudeste.

Os cinco bares finalistas, um de cada região do país, irão para São Paulo disputar o título nacional de Melhor Caipiroska do Brasil – Smirnoff. A final acontecerá em abril, na festa Feijoajay. Os bares serão avaliados por júri especializado ao preparar as receitas ao vivo durante a festa.

Sobre Smirnoff – Criada em 1860 por Piotr Smirnov, na Rússia, SMIRNOFF é a marca de vodka mais premiada do mundo”*. Há alguns anos, o Brasil vem se consolidando como um mercado estratégico sendo o segundo principal consumidor desse produto para a DIAGEO, atrás apenas dos Estados Unidos. Seus diferentes produtos e formatos atendem às diversas demandas do mercado e são encontrados no País nas versões SMIRNOFF e SMIRNOFF ICE.

*Considerando a somatória total de premiações na categoria vodka nas maiores competições internacionais de 2003 a 2017.

 

Sem comentários

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.