‘A Mano apresenta o melhor da cozinha italiana

'A Mano - Ravióli de brie Al Tartufo

O restaurante ‘A Mano abriu suas portas recentemente e já pode ser incluído nos roteiros gastronômicos importantes da capital. A casa dedica-se aos clássicos da culinária italiana e tem o premiado chef Ronny Peterson em sua direção. Todos os detalhes foram pensados para criar uma imersão completa. O serviço, o bom atendimento, os produtos de qualidade, a decoração e o ambiente sofisticado e clássico (desenhado pela arquiteta Karla Amaral) completam a experiência.

Uma única visita à casa e faltam linhas para escrever sobre o almoço que a equipe do 3 Talheres experimentou em sua primeira visita. Dizer que o espaço impressiona pela beleza é quase redundante, mas é importante marcar: os painéis de vidro contrastando com as paredes de vidro são muito bonitos. A sommelier Ana Clara Carvalho (do grupo Fasano) ficou responsável pelos vinhos. Cometi o erro de não perguntar que seleção foi aquela mas, que seleção!

Vamos falar agora do mais importante: comida. Vou fazer um pequeno tour descritivo pelos pratos. Não todos, mas alguns dos que mais gostei naquela noite, começando pelo couvert. À mesa chegaram de entrada pães quentinhos, assados na hora, acompanhados de manteiga de ervas, patê de ricota de búfala com raspas de limão e caponata. O patê de ricota com limão foi a surpresinha do momento. O limão trouxe ao queijo um frescor incrível, muito moderno e inesperado. A caponata, por outro lado, é tradicional e deliciosa.

'A Mano
Foto: Rayan Ribeiro

Já para o prato principal tivemos o Ravioli di Brie al Tartufo (R$ 68) – foto principal deste texto – , que é feito com massa fresca recheada de queijo brie e mel trufado com manteiga e trufas negras: uma experiência única. É uma combinação que surpreende. Equilibrado e sutilmente exótico, provoca reações. Um prato como esse deixa claro ao cliente distraído que não está em um lugar comum.

Já a Costolette D’agnello con Lardo di Colonnata (Carré de cordeiro grelhado ao próprio molho com lardo de colonnata e fregola) é indicado para aqueles que gostam de carne bem preparada. Além da massa fresca em pequenos grãozinhos (a fregola), muito saborosa, sobre o prato há algumas folhas de lardo frito. É um pequeno detalhe do prato, mas justamente são os detalhes que fazem toda a diferença no ‘A Mano. E o lardo de colonnata é uma delícia.

Manualidades

Um diferencial da casa é que toda a refeição acaba sendo um pouco mais divertida porque podemos assistir às massas sendo feitas através de uma parede de vidro virada para o salão principal. A fregola para o Costolette D’agnello, por exemplo, estava sendo cortada no momento que cheguei ao restaurante. Quando o prato chegou à mesa, eu reconheci de tê-lo visto ser preparado alguns minutos atrás. Ou seja: massa realmente fresca.

O próprio nome da casa faz referência às massas frescas. ‘A Mano significa feito à mão, em italiano. Os sócios Leandro Pompeu, Tiago Boita, Carlos Rodrigues, André Sampaio e o chef Ronny Peterson construíram um espaço para ser aproveitado com tempo, com a família e amigos. Mais do que que uma casa de comida clássica italiana, é um ambiente para aproveitar o momento.

Serviço
'A Mano
Endereço: 411 Sul, Bloco D, Loja 36.
Horário de funcionamento: Segunda a quinta, das 12h às 15h e das 19h à 0h. Sexta e sábado, das 12h às 0h30. Domingo, das 12h às 17h.
Telefone: (61) 3245-8235
Sem comentários

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.